Todas as matérias anteriores

sábado, 24 de junho de 2017

Quadrilhas Juninas, Pescaria e Balaios no Arraiá do Pinheirão

 
 
 

A Escola Pinheiro Borges esbanja alegria nos festejos juninos. Com a presença maciça dos alunos, seus familiares e de toda a equipe da escola, o São João do Pinheirão foi um exemplo de união e empenho.

Desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira, 23/06, a unidade de ensino começou a ser preparada para os festejos.
O resultado disso foi um evento muito organizado e animado.
Parabéns às gestoras Gezilda e Milene pela força e competência para unir cada vez mais um grupo de profissionais de alto nível.

Arraía do Pinheirão 2017

 
Escola Pinheiro Borges esbanja alegria nos festejos juninos. Com a presença maciça dos alunos, seus familiares e de toda a equipe da escola, o São João do Pinheirão foi um exemplo de união e empenho.
Desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira, 23/06, a unidade de ensino começou a ser preparada para os festejos.
O resultado disso foi um evento muito organizado e animado.
Parabéns às gestoras Gezilda e Milene pela força e competência para unir cada vez mais um grupo de profissionais de alto nível.

sábado, 17 de junho de 2017

Parabéns aos novos pedagogos de Vera Cruz


A professora do 5º ano da Escola Municipal Felinto Muller, Gilmara Rocha, graduou-se pedagoga nesta quarta-feira, 14/06. A escola está localizada no Sítio Papagaio, área limítrofe entre os municípios de Macaíba e Vera Cruz. Gilmara afirma que é “apaixonada pela sala de aula e o maior sonho é dedicar a vida ao ensino”.
O curso foi concluído no polo de Vera Cruz do Instituto Superior de Educação de Pesqueira, que vem formando muitos pedagogos todos os anos, em várias regiões do estado do Rio Grande do Norte.
O sonho da professora Gilmara já foi compartilhado por muitos jovens e teve um impulso nas duas últimas décadas com a criação do Piso Nacional dos Professores, cuja relatora foi a senadora do RN, Fátima Bezerra, e que incrementou o salário dos profissionais da educação.
O piso atualmente sofre ameaças de vários governadores do país que buscam na justiça o fim ou a suspenção dos aumentos dos salários dos professores.
Mas neste momento, Gilmara e os demais concluintes, e suas famílias, estão em festa. Parabéns aos novos pedagogos de Vera Cruz.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

ISEP realiza formatura de turma de Pedagogia em Vera Cruz/RN

O Instituto Superior de Educação de Pesqueira, ISEP, realizou na noite desta quarta-feira, 14/06, mais uma formatura de seu curso de Pedagogia.
O evento aconteceu na sede da Câmara Municipal de Vera Cruz e contou com a presença de professores, alunos e familiares.
Também estiveram presentes o Pastor Xavier e o Secretário de Educação do município representando, respectivamente, as autoridades eclesiásticas e do poder executivo municipal.

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Cegonhas ganham postes exclusivos para sua reprodução

Nas margens do Rio Vouga, região de Cacia, entre Aveiro e Avanca, Portugal, as cegonhas põe seus ovos em ninhos próximos dos aglomerados urbanos. Alguns desses ninhos enormes são feitos em postes nas ruas.
O poder público local, as câmaras,  providencia postes com estruturas metálicas para que as cegonhas construam seus ninhos e possam reproduzir de forma segura.
O brasileiro filho de portugueses, Joaquim Silva, que viaja frequentemente pela região, definiu assim o cuidado com as cegonhas: "O mesmo ser humano que desmata pode mostrar um mínimo de respeito pela preservação dos animais silvestres. É assim que é feito em Portugal".Segundo Antonio Alves, empresário do Largo da Portagem, em Coimbra, nas imediações da região praiana de Figueira da Foz há plantações de arroz. Ali, o terreno alagado favorece um ecossistema onde predominam lagostinhos, camarões pequenos, que são a alimentação preferida das cegonhas da região. Encontram-se nos postes dezenas de ninhos destas grandes aves. 
Postes exclusivos para as cegonhas

terça-feira, 25 de abril de 2017

Escoteiros realizam Gincana Histórica Cultural Augusto Severo

O Grupo Escoteiro Augusto Severo, de Macaíba, realizou na tarde deste sábado, 22/04, a Gincana Histórica Cultural Augusto Severo. O evento envolveu mais de 50 crianças e adolescentes do 138º Grupo Escoteiro Augusto Severo (Macaíba) 25º Gemar Chefe Severino Monteiro (Natal), 3º Grupo Escoteiro Do Mar Pitangui(Extremoz) e o 170º Grupo Escoteiro do Ar Parnamirim.
Entre as tarefas da gincana houve a arrecadação de alimentos para doação a um orfanato da cidade. A tarefa principal incluía a visita aos principais pontos históricos das ruas próximas ao centro de Macaíba.
Estiveram presentes os líderes do escotismo local como Genildo Genuíno (Presidente Local) e Ambrósio Barros (Diretor de Eventos da Região Escoteira do RN). Também esteve presente o Vice-Presidente da Federação do Comércio do RN, empresário Luís Antonio Lacerda, que é um incentivador do escotismo no Rio Grande do Norte.
Com informações de Clebson Isaías – Diretor de Comunicação do 138º Grupo Escoteiro Augusto Severo


Clique AQUI e veja as fotos.

terça-feira, 18 de abril de 2017

Páscoa e Fraternidade, Escola José Arinaldo visita Abrigo de Idosos

Davi, falando em nome dos alunos, enalteceu os funcionários da escola. "Temos uma equipe muito boa", disse.

Os alunos da Escola Municipal José Arinaldo Alves realizaram nesta segunda-feira, 17/04, a culminância do Projeto Páscoa Solidária. O projeto já é desenvolvido há seis anos e sempre envolve uma campanha de arrecadação de doações e é concluído com uma visita ao Abrigo de Idosos Deus e Caridade, no centro de Macaíba/RN. Segundo a gestora Arleane Lira, neste ano as doações também contemplarão um orfanato da cidade.
O artista plástico e pintor de publicidade Wilson de Araújo, que reside no Abrigo, mostrou sua satisfação em receber os estudantes e contou um pouco de sua história. "Depois de servir por pouco tempo às Forças Armadas me dediquei à pintura para publicidade.
Wilson sendo entrevistado
Trabalhei em várias cidades do sudeste e nordeste, como Rio de Janeiro e Recife, vindo parar em Natal. Ali trabalhei para o comércio local. Já na meia idade me dediquei à pintura. Creio que as minhas telas são boas, recebi muitos elogios. Hoje a vista está curta, não enxergo o suficiente pra continuar pintando, por isso parei". Hoje, aos 84 anos, "seu" Wílson passa a maior parte do tempo conversando com os colegas do Abrigo Deus e Caridade.